fbpx
Início Notícias Esportes Pequenas irmãs capixabas vencem brasileiro de Duatlo

Pequenas irmãs capixabas vencem brasileiro de Duatlo

Irmãs foram campeãs na primeira participação no campeonato / Foto: Gislaine de Souza

Duas meninas capixabas levaram o ouro no Campeonato Brasileiro de Duatlo neste domingo (29) em Belo Horizonte. As pequenas irmãs Anna Lúcia de Oliveira, de 13 anos, e Flávia Luzia, 9 anos, de Vitória, são triatletas e participaram pela primeira vez da competição, que reuniu 150 atletas de várias idades e estados do Brasil.

As meninas treinam com a ajuda dos pais, Gislaine de Souza e Flávio do Nascimento, que estimulam a participação das meninas no esporte. “Elas têm escola de manhã, de tarde eu ou o pai levamos elas para treinarem bicicleta e corrida na orla”, contou a mãe.

O interesse das meninas no esporte surgiu pelo incentivo de um professor de natação de Anna Lúcia. “Ela fazia natação na Ufes, o professor viu que ela corria bem e incentivou a treinar para o Triathlon”, lembrou Gislaine

Os pais não são atletas, mas passaram a praticar o esporte para conseguir acompanhar as filhas. “Eu nadava e corria quando mais nova, o Flávio tinha o costume de nadar, então vamos ajudando ela como podemos”, disse a mãe.

Anna, a mais velha, competiu contra outros três atletas e era a mais nova na categoria até 14 anos. Ela correu 2,5 km, pedalou 10 km e depois correu mais 1,5 km.

Foi a segunda vez que ela disputou uma competição de Duatlo, primeira foi no Campeonato Estadual em 2016, mas só agora conseguiu ser campeã.

Agora o objetivo dela é disputar o Campeonato Brasileiro de Triatlo, que será em Palmas, Tocantins, em junho. Ela participou da competição no ano passado e ficou em sexto lugar, o objetivo neste ano é chegar ao pódio. Para isso, a menina já sabe o que precisa acertar.

“Ano passado saí na frente na natação, mas perdi na bicicleta. Eu precisava diminuir meu tempo no ciclismo, fiz em 36 minutos, nessa competição que fui campeã fiz em 24 minutos”, contou a menina, que quer alcançar o tempo de 53 minutos para alcançar o pódio.

Já a irmã mais nova Flávia, de 9 anos, nunca havia participado de uma competição de Duatlo e venceu em uma disputa acirrada.

“Eu fiquei feliz porque eu estava competindo com um menino que me passou na transição para a bicicleta, depois eu consegui passar e ele não me alcançou mais”, contou a menina que correu 1 km, pedalou 5 km e finalizou com 500 metros de corrida.

No Triatlo, Flávia foi vice-campeã brasileira no ano passado na categoria até 9 anos e vai para a disputa novamente neste ano.

Para a mãe, a vitória das filhas é motivo de orgulho: “É muito emocionante ver que as filhas estão no caminho certo, mesmo sem patrocínio ou incentivo elas conseguem disputar e mesmo com poucos recursos, trazem um ouro”.

Tribuna online

Leia também:

Comente com seu Facebook!

Terra Academia
unisa
Sabor tropical Delivery – Banner outdoor
Banner drone maratimba
Oito ervas campanha 2018
Via sul Telecon
WINDEX 12 MESES
cdtec