14.5 C
Londres
terça-feira, maio 26, 2020

‘Ele chorou e me abraçou’, diz brasileiro detido nos EUA que teve filho separado

- Advertisement -
- Advertisement -

Mineiro de 31 anos deixou o Brasil após perder o emprego e contrair dívida de cerca de R$ 30 mil.

Vinte e seis dias depois de ser apreendido com seu filho na fronteira dos Estados Unidos com o México, um brasileiro em um centro de detenção no estado americano do Novo México diz que não tem ideia de quando poderá ver seu filho de 9 anos.

Em uma entrevista por telefone na noite desta quinta-feira (21), o brasileiro de 31 anos falou à agência Associated Press sob a condição de que seu nome não fosse revelado porque ele teme por sua vida caso seja deportado para o Brasil. O pai, que fez um pedido de refúgio, falou do centro de detenção do condado de Cibola, em Milan.

O brasileiro, do estado de Minas Gerais, afirmou que desde que foram separados falou apenas uma vez com seu filho.

“Ele chorou. Estava muito triste”, disse sobre seu filho. “Prometi a ele que seriam apenas de três a cinco dias”.

O mineiro disse que recentemente perdeu seu emprego em uma padaria e que tem uma dívida de cerca de R$ 30 mil que não pode pagar. Segundo ele, um grupo criminosos estava atrás dele para cobrar pelo dinheiro. Na entrevista, ele se recusou a dar mais detalhes sobre o caso.

Ele então decidiu ir aos Estados Unidos com o plano de encontrar um trabalho. Ele e seu filho de 9 anos pegaram um voo para a Cidade do México e depois foram para a fronteira. No Brasil, ficaram a sua mulher e seu outro filho de 3 anos.

Ao tentarem atravessar a fronteira perto de San Isidro, na Califórnia, os dois foram pegos por agentes da fronteira e encaminhados a um centro de detenção onde estavam muitas outras famílias.

“Por dois dias, tudo o que nos deram foi salgadinhos, barras de cereal e suco”, disse.

Então lhe disseram que seu filho seria levado a um centro para menores de idade, e que eles ficariam separados por não mais do que cinco dias.

- Advertisement -

Latest news

Comerciantes de Cachoeiro se mobilizam para reabrir as portas e trabalhar

Obrigados a ficar por 15 dias, a contar do último dia 23, com as portas fechadas, por força de decreto assinado pelo prefeito Victor...
- Advertisement -

Qual o melhor calmante natural infantil

Toda mãe sabe como uma criança pode ser hiperativa e sem sossego. No entanto, isso é diferente de ser nervoso ou nunca conseguir desligar...

2ª edição Ublues Beer Fest no fim de semana em Anchieta ES

Ubu, um dos balneários mais charmosos e procurados em Anchieta, irá promover no período de 30 de novembro a 1º de dezembro, o 2º...

Chuvas castigam bairros de Cachoeiro

As chuvas continuam castigando o Espírito Santo, apesar da redução do alerta de ‘vermelho’ para ‘laranja’, as...

Related news

Comerciantes de Cachoeiro se mobilizam para reabrir as portas e trabalhar

Obrigados a ficar por 15 dias, a contar do último dia 23, com as portas fechadas, por força de decreto assinado pelo prefeito Victor...

Qual o melhor calmante natural infantil

Toda mãe sabe como uma criança pode ser hiperativa e sem sossego. No entanto, isso é diferente de ser nervoso ou nunca conseguir desligar...

2ª edição Ublues Beer Fest no fim de semana em Anchieta ES

Ubu, um dos balneários mais charmosos e procurados em Anchieta, irá promover no período de 30 de novembro a 1º de dezembro, o 2º...

Chuvas castigam bairros de Cachoeiro

As chuvas continuam castigando o Espírito Santo, apesar da redução do alerta de ‘vermelho’ para ‘laranja’, as...
- Advertisement -

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here