Início Notícias Geral Arte e caridade. Andarilhos dão exemplo de talento e simplicidade em marataizes

Arte e caridade. Andarilhos dão exemplo de talento e simplicidade em marataizes

No dia seguinte os quatro ganharam mais um lancho dos funcionários da lanchonete

O que era para ser apenas mais um ato humanitário acabou se mostrando uma ‘descoberta’ aditivada de muita compaixão.

Andarilhos que passavam pelas ruas da Barra em Marataízes na semana passada (5) acabaram passando na Lanchonete e Pizzaria Sartório e pediram algo para comer.

- publicidade -
  • Açai do Carioca Marataízes

Os funcionários do local se sensibilizaram e resolveram atender ao pedido dos andarilhos, entretanto um fator chamou a atenção de todos.

Os dois homens estavam guardando um parte do lanche para levar, quando questionados do motivo daquele ato, acabaram relatando que levariam para outros dois amigos que também estavam com fome e dormiam juntos com eles na calçada de uma loja.

Cena comovente!

A cena comoveu os funcionários que quiseram saber quem eram aqueles andarilhos perdidos na cidade, portanto daí que descobriram que eles eram verdadeiros artistas que transformam lixo em arte.

Recicladores de Lixo

Os quatro trabalham com alumínio, folhagens e madeira.

Cada um veio de um canto do Brasil e se encontraram no Estado e fizeram amizade são eles:

Joelson de Jesus Cardoso conhecido como Baiano veio de Porto Seguro-BA e tem 30 anos.

Paulo Henrique de Lima Guimarães conhecido Xuxa, veio do Rio de Janeiro-RJ tem 24 anos.

Neilton Guimarães dos Santos conhecido como Mineiro saiu de Contagens-MG e tem 45 anos.

E João, que veio de Linhares no Norte do Estado, e diz que prefere se chamado apenas de João do Cabelo Bom e tem 38 anos.

Conheça um pouco da arte dos Andarilhos

Leia também:

Comente com seu Facebook!