Início Notícias Esportes Atlético Itapemirim decide viajar no dia do jogo, perde de 3 a...

Atlético Itapemirim decide viajar no dia do jogo, perde de 3 a 0, e gera insatisfação no elenco

Gerente executivo do Galo da Vila, Armando Zanata, saiu em defesa dos atletas e da comissão técnica, após a derrota para o Vitória, na partida de ida das finais da Copa ES

Depois da questão envolvendo “a quase” saída do técnico Cleiton Marcelino, o Atlético Itapemirim passa por outra crise interna, na semana da decisão da Copa Espírito Santo 2018. Após a derrota de 3 a 0 para o Vitória-ES (assista aos gols), no jogo de ida das finais, alguns jogadores e membros da comissão técnica mostraram insatisfação pelo fato do time ter viajado para a Capital apenas no domingo, dia da partida.

A decisão pela não-concentração da equipe também não foi do agrado do gerente executivo do Galo da Vila, Armando Zanata. O dirigente saiu em defesa dos atletas e da comissão técnica.

– Me deixou muito constrangido chegar no vestiário, por volta de 12h30, e ver os meus jogadores sentados. Eles merecem respeito. O Atlético tem um estrutura grande, onde tem toda uma cobertura da Prefeitura. É inadmissível que um time que está disputando uma final de Copa Espírito Santo e que recentemente jogou a Série D, a Copa do Brasil e um título nacional (a Copa Verde) tenha viajado no mesmo dia. Realmente gerou uma insatisfação muito grande entre os jogadores e comissão técnica. E eu preciso defendê-los, porque eles irão fazer um jogo importante no sábado.

- publicidade -
Açai do Carioca
vandinho lanches
parceria – bruna-giu-doce-mania-15-10-2018-iniciado
Banner cobertura de eventos
oba restaurante 6 meses
ellomais – promocao 09/2018

Segundo Zanata, a decisão pela não-concentração da equipe foi do presidente Jamil Marvilla.

– Temos que ser justos. O menino que está na presidência (Jamil Marvilla) é bom, foi indicação minha, mas reconheço que ele não tem experiência no futebol. Mas faltou atitude dele de colocar o time em um hotel para se concentrar. Quem está falando isso é um cara que já ganhou quatro campeonatos estaduais. É uma pena. O Atlético é um clube grande e olha a ferida que abriu. O Vitória fez 3 a 0, o time deles é bom, tem torcida e eu havia alertado. Mas não vamos entregar os pontos.

Para o Atlético voltar a levantar a taça da Copa ES e disputar a Série D e a Copa Verde, em 2019, terá vencer o Vitória por quatro gols de vantagem, no jogo de volta. Se o Galo devolver a diferença de placar da partida de ida – 3 a 0, a decisão da vaga será nas cobranças de pênaltis.

O segundo confronto da decisão acontece neste sábado, às 16h, no estádio Sumaré, em Cachoeiro de Itapemirim. O GloboEsporte.com acompanha em Tempo Real e faz a cobertura completa da partida.

Presidente justifica

Procurado pela reportagem do GloboEsporte.com, o presidente do Atlético Itapemirim, Jamil Marvilla, justificou a decisão de não viajar um dia antes para Vitória. Segundo o dirigente, durante a semana, a opção já havia sido exposta para os atletas e membros da comissão técnica que até concordaram em ir para a Capital apenas no domingo.

– O único jogo que o time se concentrou foi contra o Real Noroeste, por conta da viagem de seis horas. Mas, nesta final em Vitória, não teve nenhuma questão de contenção de gastos. Durante toda a semana conversamos com os jogadores e com a comissão técnica e colocamos que viajaríamos apenas no domingo, dia do jogo da final. Inclusive, alguns deles são daqui da região e acharam até melhor por ficarem mais tempo com os seus familiares.

Leia também:

Comente com seu Facebook!

Terra Academia
unisa
Oito ervas campanha 2018
cdtec
WINDEX 12 MESES
Via sul Telecon
ITA 21-02 a 21-08
Banner Innovar